sábado, 1 de agosto de 2015

DESTINO LITORAL DE UBATUBA, PARATY E ANGRA DOS REIS, Parte I

Passei dez dias viajando com meu filho e marido por esses lugares que foram surpreendentes!

Embarcamos no dia 06 de julho em Várzea Grande com destino a Garulhos. Vou relatar um pequeno probleminha que tivemos com as nossas passagens que é muito importante você saber, pois, pode acontecer com qualquer um que viaja com milhas.

Havíamos trocado as nossas por bilhetes cujo destino final seria Santos Dumont. Só que depois de consolidada a aquisição vimos que não valeria a pena descer em Garulhos, pegar um ônibus com um monte de malas para embarcar em Congonhas a fim de chegar no aeroporto carioca. Então, decidimos desembarcar em Garulhos pegar um ônibus da viação Pássaro Marron e contemplar por via terrestre o litoral paulista.

Por desencargo de consciência decidimos ir ao balcão da TAM avisar que não iríamos mais para o aeroporto de Santos Dumont, pois, estávamos com as malas.

Nessa hora fomos avisados pelas atendentes da empresa aérea de que perderíamos as passagens de volta, já que se não embarcássemos em Congonhas, o sistema automaticamente suspenderia os bilhetes de retorno, interpretando como se não tivéssemos partido. Depois de muita conversa, de quase termos perdido o ônibus cujas passagens havíamos comprado pela Internet e de termos aceitado comprar novos bilhetes para voltarmos ao local de origem, as atendentes nos encaixaram num voo via Brasília, pois, a princípio voltaríamos por São Paulo, mas este voo, para a nossa sorte foi cancelado.

Então nossa aventura começou às 9h00 num ônibus que sai do aeroporto de Garulhos e nos entrega em Ubatuba às 13h30. O check in da pousada começava às 14h00. Ficamos na Pousada O Flautista, que é extremamente simples, mas muito bem localizada. A proprietária da hospedaria é sergipana e muito acolhedora.


Tentamos fazer o passeio a Ilha de Anchieta e não conseguimos pois nessa época a procura por barcos estava em baixa e não conseguiam formar grupos com número suficiente de passageiros. Chegamos numa segunda e não nos informamos nesse dia a respeito.

Na terça pela manhã fomos até a Praia da Enseada e depois até o Saco da Ribeira, de onde saem outras embarcações e ficamos frustrados, pois, às quartas o Parque Estadual da Ilha de Anchieta não abre e assim o "trade turístico" fica de folga nesse dia da semana.

Então, na volta do Saco da Ribeira, já que estávamos de táxi e teríamos que pagar a volta, viemos parando nas praias que antecedem a cidade de Ubatuba (Perequê, Toninhas, Tenório, Praia Grande) e também fizemos um "pit stop" no Mirante.



Acabamos assistindo ao I Festival de Inverno de Ubatuba, com show de rock. Bandas locais fizeram apresentações suas e de outras conhecidas internacionalmente.


Para não perder o dia de quarta fomos até Prumirim e ficamos na barraca Cantinho da Lagoa.

 Praia do Tenório.

 Praia Grande.

 Praia Perequê Mirim.


Esta delícia você encontra no Tachão de Ubatuba: sorvete de forno! Composto de salada de frutas, sorvete a sua escolha e coberto com chantily, que vai ao forno. Dica da Luísa, casada com o Fernando, que encontramos na praia de Prumirim.

Em outra postagem, conto sobre Paraty e Angra do Reis.

Nenhum comentário: