quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

Destino Morro de São Paulo, Bahia, parte III

No terceiro dia (terça-feira) dia 03/02, ficamos na Segunda Praia. Ao nos acomodarmos numas cadeiras confortáveis fomos abordados pelo garçom que foi logo avisando: é R$ 15,00 cada, para ficar até o entardecer. Ficamos sem graça de levantar...

Pedimos uma garrafa de cerveja. O preço é mais ou menos tabelado: R$ 5,00.
É a praia mais badalada.
Depois de já estarmos deitados há alguns minutos, chegaram umas argentinas e pechincharam. Fiquei só assuntando... O Zé acabou diminuindo para elas. Quando ele passou por mim, o chamei e disse:
_ Quero o mesmo desconto que você deu para elas.
_kkkkkkk
Saiu por R$ 25,00 as duas e ainda reservou nossos lugares enquanto fomos almoçar na vila.
Comemos crepes, muito saborosos e fartos num lugar chamado Italioto. Você pode escolher até quatro sabores e custa R$ 14,90 cada um. Só fomos sentir fome de novo ao anoitecer. Recomendo.
À noite fomos a um restaurante chamado Bianco e Nero, cujos proprietários são italianos. Atendimento impecável. A comida foi servida 15 minutos depois que pedimos. Muito bom. O jantar ficou em torno de R$ 50,00. Voltaria com toda a certeza.

No quarto dia, após termos passado por alguns inconvenientes no hotel em que estávamos hospedados na Praia do Encanto, nos mudamos para a pousada Bahia Bella, situada na Segunda Praia. Foi a melhor coisa que fizemos. Ficamos pertinho da praia e da vila. A pousada é de propriedade de um casal gaúcho e tem uma recepcionista muito simpática, a Jô, que nos deu algumas dicas e informações importantes.

Acabamos perdendo um dia de praia, pois, tive que ligar para o meu agente de viagem, explicar o que estava acontecendo, então, a transferência de bagagem e a procura de outro lugar para ficar nos tomou muito tempo. Quando cheguei em Cuiabá, escrevi uma carta para a CVC, pois, o hotel conveniado com a operadora negou-se a devolver as diárias já inclusas no pacote. Assim que a última parcela do pacote foi paga, obtivemos resposta da operadora que nos deu a opção da devolução do dinheiro da estadia ou o crédito para outra viagem.

Morro de São Paulo tem muitas pousadas bacanas e com preços que variam de R$ 100,00 a R$ 380,00 para o casal, dependendo do seu estilo e bolso.

É claro que final de ano e carnaval é complicado, tudo sobe e é difícil achar vaga. Mas no período em que fomos, começo de fevereiro, estava tudo muito tranquilo.

Nessa noite jantamos no Restaurante Tinharé. Não gostamos do atendimento e nem da comida.





Acima foto da Segunda Praia. Abaixo vista do mar.

5 comentários:

Rose disse...

Pois é Tania, nada é perfeito...rsrsrsrsrsr.
Mas o importante é que vcs foram e divertiram.Esqueça os maus momentos.
Já passei por esses lances, dá raiva e parece que vai estragar todo o passeio, não é?
Bom, quero saber mais, timtim por timtim...ahahahahahah.
Bjs, querida.

disse...

Pronto!
Li tudinho!
Feliz por você estar de volta e nos presenteando com o roteiro de sua linda viagem. Conheço só por fotos e pela TV. Que lugar mais lindo.
Estou esperando meu maridão aposentar, mas ele vai continuar trabalhando e com o salário da aposentadoria vamos fazer lindas viagens e esse será um dos lugares que gostaria de conhecer.
Beijos minha linda com saudades!

Cris disse...

Delícia de lugar, hein, linda???

beijão. Saudades.

esther disse...

Não acredito que num lugar delicioso, férias com a família, vc ainda lembrou de mim?????????
Vou chutar:
Queijo;pão de queijo, panela de ferro ou algo bem mineirinho?
Rsrsrsrsrsrsrssr, aguardo com ansiedade.

Rose disse...

Que bagunça eu fiz.Perdão, viu?