sexta-feira, 9 de abril de 2010

I Forum Matogrossense de Enfrentamento a Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes;

Acontecerá no dia 13 de Abril de 2010. Será na ACENM/CDL em Nova Mutum-MT, das 8:00 às 17:00 HORAS.

PALESTRANTES:

Dilma Camargo – Pedagoga, Coordenadora do Comitê Municipal de Enfrentamento à Violência Sexual Infanto-juvenil

Dulce Regina Amorim – Assistente Social, Ponto Focal do Fórum Matogrossense de Enfrentamento à Violência Sexual Infanto-juvenil

Tema: Enfrentamento a Exploração Sexual Infanto- juvenil, Convivência Familiar e Comunitária e Revisão do Plano Estadual de Enfrentamento a Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes.

2 comentários:

glaucialastoria disse...

meu esposo no mes passado me agredio a noite entera me puxou pelos cablos na rua degrenio minha imagem perante aos vizinhos,deixando vrios ematomas em meu corpo principalmente em minha cabeça.isso aconteceu no estado de minas gerais onde eu morava com ele no municipio de ilicinea.fiz a denuncia lá mas só quando a policia no dia seguinte foi atraz dele ele tinha fugido para santa catarina lages pq ele ligou para o imão dele e disse a onde estava.ele ttem uma irmã em sc lages.fico preocupada poorque ele me fez ameaças que me mataria se eu o denunciasse,vim para são paulo e fiz uma nova denuncia na delegacia da mulher onde eles mandarão o b.o corpo delito e assinei algus papeis e mandarão para minas gerais aonde aconteceu o ocorrido a familia dele lá minas me ameaçarão falando se eu não retirasse a queixa na policia eu iria se responsabilizar por qual coisa que possa ter acontecido com meu esposo,sabendo que eu mesma fui agredida estou ablada emoionalmente não tenho minha vida normal to numa depressão muito profunda gostaria de saber com as ligações recbida sem numero de indentificação eu nm atndo mais pq sei que é ele desfiz até do meu celular por causa dele.nesse caso gostaria de saber mesmo ele estando em santa catarina ele pode ser preso pois fiquei estruramente abalada e moralmente fisicamente abalada e perdi tudo que tinha ele quebrou tudo dentro de casa antes de ir embora.que fasso pelo amor de deus me de uma soluçãono que devo fazer.grata glaucia

Tânia Defensora disse...

Oi Glaucia!
No estado em que vc encontra, vc precisa de apoio. Primeiramente procure grupos de ajuda mútua:MADA, CODA, AMOR EXIGENTE e outros.
Se houver novas ameaças, denuncie TODAS.Não fique calada.
Procure a Defensoria Pública na cidade em que você está. Existem muitas ONGs de Defesa da Mulher, Ministério Público, procure ajuda.
Boa sorte.