segunda-feira, 16 de novembro de 2015

Assepsia é possível?

No início do milênio
alguns objetivos as nações unidas traçaram
para o mundo desenvolver
e torná-lo um lugar melhor para se viver!

De fora para dentro eles começaram a chegar...
De todos os lados, de todas as origens,
por terra ou pelo mar.

Sozinhos ou acompanhados, sorrindo ou chorando.
Refugiados ou não, com ou sem bagagens nas mãos.

Os eventos terminam e os desafios aumentam:
fechar as fronteiras para os entorpecentes,
estancar o sangue das veias abertas pela violência e exploração.

Limitar o acesso dos carentes aos shoppings centers.
Restringir de passear aqui embaixo
quem mora lé em cima.

Internar os dependentes,
recolher os desafortunados e estropiados.
Impedir os adolescentes
de com os ciclistas dividir espaço.

Em nosso País ventilou-se reforçar a segurança
com a força nacional.
Seria uma paliativo, mas não a solução.

Na Polônia o "esperanto" era a esperança
de difundir uma língua universal 
e facilitar entre os povos a comunicação!

Depois do "11 de Setembro"
veio "o 13 de Novembro,"
pessoas de nacionalidades diferentes
atingidas pelo fundamentalismo.

Controlar os extremistas sem deixar de acolher os imigrantes
é o mais novo desafio dos países que pregam a liberdade, igualdade e fraternidade.



Nenhum comentário: